quinta-feira, 9 de agosto de 2012

NOSSO HERÓI MORREU DE OVERDOSE

                                                                   Ensaio

Tenho certeza que Ayrton Senna ainda não descansa em paz, levando em conta sua trajetória de vida e de seus anseios, seu espirito, certamente não está totalmente satisfeito, deve ainda remexer no caixão, quando o ronco do motor do cortador de grama passa próximo do seu tumulo, imaginando ter algo mais a conquistar. 
Um apaixonado pelo primeiro lugar e que nos fez crer, que isto é o que importa. O resto não tem importância. Confesso que chorei, quando ele partiu. Muitos, ao meu redor também choraram, a vida é mesmo injusta! O nosso maior soldado tinha nos deixado. Aquele que defendia uma pátria e um povo angustiado pela humilhação de ser considerado inferior. A ponto de ser taxado como um povo que não é sério.

Desiquilibrado?

No meio desse povo, surgiu alguém que assombrava seus concorrentes, alguém que impunha respeito e admiração por onde passava. Ele era nosso representante oficial, aquele que carregava nas costas a imagem manchada de seus compatriotas e que nos enchia de orgulho.
Essa é a imagem que ficou na cabeça da maioria do povo Brasileiro do nosso campeão.
Mesmo Nelson Piquet, também um tri campeão, não fazia sombra à determinação irrestrita de Senna, embora Piquet, fosse considerado um arrogante. 
Mas porque esse detalhe comportamental a respeito de Nelson Piquet não foi notado em Senna? Será que fechamos os olhos para não notar o desiquilíbrio de Senna e sua insanidade notória? Será que nos deram uma imagem construída em cima de valores de determinação e luta pelos objetivos de um homem humilde, que abandonou tudo por um sonho. Seria esta a receita da mídia para nos apaixonarmos por ele? Certamente houve um equivoco, hoje, depois desta paixão, estar menos latente e doer menos, podemos dizer nossa opinião a respeito do nosso grande herói.

Temente a Deus?

Ayrton Senna se referia a Deus em grande parte das suas entrevistas, (seja lá o que seja deus) mas em tese, aprendemos que é um principio universal, uma essência interior que aponta para a igualdade entre os seres e nos une a criação, fato desconsiderado por Senna.
“Aquele que for o maior entre vocês será o menor no reino dos céus” assim consta nas escrituras, Senna não era culpado por vencer, vencia por ter competência e estratégias corretas, mas tinha dentro de si o desejo de ser melhor sempre. Queria sempre só para si, queria ser o melhor dos melhores, de todos os tempos. 

"O importante é ganhar. Tudo e sempre. Essa história que o importante é competir não passa de demagogia." - Ayrton Senna
http://www.belasmensagens.com.br/frases-ayrton-senna.php#ixzz21xCZgW20

Em seus diálogos com o invisível, o seu grande pedido era puramente egoísta e nunca universal, ele sempre pedia para ganhar e não se machucar. Ou seja, “Por favor, Deus, dê a mim os louros da conquista e preserve a minha integridade física” para que eu seja sempre um menino pidão e mimado pelo povo que me admira.
Programa Roda Viva, 1986.

Casas sobre areias!

É claro que todos nós somos assim, queremos o melhor para nós mesmos, custe o que custar.
Mas sabemos que isto é, no mínimo, uma receita que não funciona. Nosso ego é insaciável, ele nunca vai se contentar com um objetivo que nos fará provar a felicidade,no máximo poderemos receber satisfação, mais nada! Mas mesmo assim, nos enganamos com heróis que nos vingam e mostram que são nossos melhores representantes.   
O que me choca é saber como ficou distante a possibilidade de vivermos em um mundo melhor, com pessoas extremamente determinadas como Ayrton Senna, representando  modelos a seguir e admirar.


Personagens da história, como Jesus Cristo ou Francisco de Assis, que trouxeram outros discursos, contrários ao de Senna, ficam cada vez mais distantes dos nossos ideais.
Devemos construir nossas casas sobre areias, essa é a grande mensagem de Ayrton Senna e não sobre rochas que é a mensagem cristã. Isso implica dizer, que Senna lutou por uma imagem de si e não por si mesmo. Se você não entende esta diferença é porque ignora que vivemos num mundo de espelhos,onde não vemos a nós mesmos, mas sim, nossa imagem construída, refletida nos outros..
Num mundo onde as conquistas deveriam ser coletivas e universais, para que a possibilidade de sermos todos ligados ao desejo de amparar os mais fracos e dar a todos o direito de usufruir de um ambiente cada dia mais altruísta. Estamos nadando contra a corrente, não nos dando as mãos, pior, dando os ombros.

Mensagem subliminar

Senna não é culpado de nada disto, ele agiu como um ser humano, que teve oportunidade de usar suas habilidades para fazer o que fez. A sua trajetória não descreve a intenção de ser taxado de egoísta extremo. Nós é que preenchemos nosso universo, com a subliminar mensagem de que devemos ser sempre melhores que nosso próximo, pois nosso próximo é nosso concorrente.  Assim travamos uma guerra interior contra o mundo. O mundo em que todos nós habitamos e estamos cada dia mais nos espelhando em heróis que nos convencem a pensar que nosso próximo é nosso inimigo.



Marcos Tavares de Souza
acordou de ovo virado hoje