sábado, 28 de maio de 2016

MANIA DE AMAR DEMAIS

Essa mania de amar demais!                        
de me atirar,
não ver o fundo de nada
ter no mundo o zelo
por coisas que doem... 
Essa mania de vigiar as nuvens
de viajar pelo infinito
sem saber pra onde ir
quando as estrelas me contam
de tão longe que elas brilham.
Essa vontade de viver sem cais,
Sem rumos e malas,
Sem assento ao mar
e a imensidão que me rodopia
me fazendo ser seu par.

Marcos tavares
Foto da amiga  Rudy Aparecida