segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

COISA RARA DE GUARDAR

Agradeço... 
Posso ir sozinha.
Tenho os pés 
que ainda me amparam
e fé nas estrelas 
que vão me guiar.

É muita bondade tua
ter estendido as tuas mãos,
mas eu tenho desafios
que preciso vencer.
Com os braços que 
Deus me deu
eu vou tentar.

Valeu...
Foi bom saber, 
que você tem
sinceridade no olhar,
coisa rara de se ver.
Não entenda como orgulho
é um defeito meu, 
me aventurar.

Foi bom estar com você,
saber que poderia ficar,
mas o destino me chama,
vou levar no coração
a pessoa preciosa que você é.
Coisa rara de guardar.

Não sei se voltarei,
é melhor não me esperar
não sei onde estarei.
É uma sina minha
ter os pés sempre afobados
e continuar. 


Marcos tavares