sábado, 4 de julho de 2015

LÁGRIMAS DE ADEUS

Não faz assim... 
não vale a pena,
já não somos os mesmos
que fomos um dia
não devemos mais
repartir o mesmo caminho.
que sonhamos juntos
descobrir.

Não faz assim.
não chore pelo que acabou
tivemos nossa história
vivemos tantas coisas...
mas elas já se foram,
vamos juntos enfrentar
o que a vida decidiu
separar.

Não faz assim...
vamos seguir em frente.
guardar no coração,
o toque das nossas peles,
levar com a gente
nosso beijo demorado,
a alegria de ficarmos 
enroscados horas a fio
e juntos
nos apaixonar.

Não faz assim...
me abrace mais uma vez,
é preciso ir mais adiante
sem lágrimas de adeus,
sem paginas rasuradas,
mal compreendidas,
e com novas folhas em branco
escrever outras histórias
pra interpretar


Marcos Tavares